5 de agosto de 2007

SOMOS SONHOS

Depois de tanto tempo
O tempo parece não importar mais
Tivemos alguns momentos
De um tempo que não voltará atrás

Somos a soma do que vivemos
Olhamos pra trás e pensamos
sobre tudo que já fizemos;
sobre o que perdemos e ganhamos
E ainda nos restam os mesmos sonhos
Ainda somos sonhos irrealizados
Ainda somos sonhos
Somos sonhos ainda

Depois de tanto tempo
Ainda não sabemos quem somos
E o futuro ainda é o firmamento
Tão distante de onde estamos

E ainda assim vivemos
De sonhos e do que comemos
Ainda assim queremos
Sonhar o sonho que não vivemos

Meus sonhos são seus também
São nossos os sonhos de mais ninguém

Ainda nos restam os mesmos sonhos
Ainda somos sonhos possíveis
Ainda somos sonhos
Somos sonhos ainda

Um comentário:

joão paulo disse...

não sou gotico sou simplismente um rokeiro meio deprefssivo não sou metaleiro sou simplismente um gotico meio metal ou meio hard ou grunge o rotulo não importa o que realmente importa nada só o rock o rock é que mim faz esquecer tudo ou não esquecer nada porque nada éo que mais acontece nessa minha vida meio depremida meio obscura meio ante social por que eu não estou nem aí que vão a merda viva a escuridão por na escuridão a luz pelo menos é isso que eu acho por na verdade eu não acho nada foda-se vida eterna ao rock.